Ações judiciais podem cassar até 10% das candidaturas

As eleições municipais em Mato Grosso registram um dos maiores índices de contestações e questionamentos judiciais de candidaturas do país. Levantamento inédito da Associação Matogrossense de Municípios (AMM) revela que, a menos de um mês da votação, a ação de um batalhão de advogados pode resultar na cassação do registro de pelo menos 10% dos candidatos em 141 municípios do Estado. 

Há casos onde a cidade corre risco de ficar sem candidatos habilitados pela Justiça Eleitoral, Em Jaciara e Paranatinga, os quatro candidatos podem ser impedidos de participar da disputa eleitoral. "Seria uma situação inédita. É um número muito alto de questionamentos", avalia o analista político Adjaime Ramos. Em outras situações, aponta o especialista, sobraria apenas um dos pretendentes ao cargo. Nessa condição estão Juscimeira, Pedra Preta e São Pedro. 

 blog it

Nenhum comentário: