A ordem é derrotar Maurino

O leitor que assina Luis Sodré enviou por e-mail a notícia de uma suposta negociação para derrotar o líder na corrida a sucessão do prefeito Tião Miranda em Marabá, vereador Maurino Magalhães (PR).

Val, desde sexta feira estão havendo negociações entre o prefeito de Marabá Tião Miranda (PTB) e seu aliado e indicado como seu sucessor deputado estadual João Salame (PPS, com o PT municipal e depois a regional Para que Salame renuncie à sua candidatura a prefeito de Marabá para apoiar a candidata do PT a tambem deputada estadual Bernardete Ten Caten.
A governadora Ana Júlia já entrou no circuito e o acordo está bem adiantado, para juntos tentarem derrotar o candidato do PR, vereador Maurino Magalhães.
Muita coisa está sendo negociada, além de muito dinheiro, vários cargos estão sendo oferecidos a Tião, inclusive uma secretaria no governo Ana Júlia e a aprovação de suas contas no TCM.
O Palácio do Planalto foi consultado e aprovou o acordo. Lula deverá gravar dois programas pedindo votos para Bernardete, e deverá vir a Marabá duas personalidades a nivel nacional para também apoiarem a candidatura petista. O chefe da casa civil do governo do Estado, Puty, virá selar o acordo em nome da governadora, e o anuncio deverá ocorrer até amanhã à tarde.
Em principio Tião queria o apoio do Pt para seu candidato, mas Ana Júlia só aceita qualquer acordo com a saída de Salame, que pertence ao G-10 na Assembléia Legislativa, portanto considerado inconfiavel.
Luís Sodré
Marabá

A semana promete muitas emoções caso esse acordo avance como descreve o leitor e deve embolar a disputa na 2.a mais importante prefeitura do interior paraense, no rastro da renúncia de sua candidatura pelo deputado federal Asdrubal Bentes (PMDB).

2 comentários:

Anônimo disse...

Marabá, "Terra de Direitos"...

A disputa eleitoral em Marabá, começou com uma ação arrojada e direta da governadora, quando exercendo o seu fascínio "sefal" junto aos grandes empresários da cidade. A ordem era: avermelhar politicamente ou avermelhar as finanças. Depois, foi a vez do Tião, que na sua desvairada egocentria, pinçou o Salame como o seu candidato, único capacitado para continuar a sua obra. E novamente a força foi utilizada para sensibilizar os funcionários públicos, os empresários e o povo em geral.
O Asdrúbal tentou colocar a experiência de legislador como um pré-requisito determinante para seu intento. Também não era o que o povo queria. A sabedoria popular lhe mostrou que o seu lugar é na Câmara dos deputados, lutando e alavancando recursos para Marabá e região.
E finalizando minha análise, surgiu o Maurino, e muitos questionaram, pois ele não demonstrava preparo para assumir cargo de tão alta importância. Contrariando os intelectuais e doutores ele vem galgando simpatia e adesões de todos os segmentos da sociedade. Hoje, após analisar todos os pontos positivos e negativos dos candidatos, cheguei à conclusão que o Maurino reúne mais qualidades que os outros.
Hoje sou Maurino. Sem medo e sem vergonha.


El Cid

Anônimo disse...

Caro El Cid,concrdo plenamente com cada palavra dita acima. Você, como muitos, deve ser uma pessoa sensata e de muito conhecimento político com uma grande insatisfação com os governos Estadual e principalmente Municipal, no qual está deixando muito a desejar. Afinal, ninguém se alimenta de asfaltos e muito menos estuda em praças, pois essas eram as prioridades do governo de Tião Miranda e provavelmente de João Salame. Hoje aconteceu o primeiro debate entre o candidatos Maurino Magalhães não compareceu, mas não significa que ele não está nem ligando pro povo, afinal debates só devem ser cobrados ao fim de campanhas, esses sim são os que realmente mostrarão quem é quem e o que realmente pretendem fazer. Muitos dizem que Maurino é analfabeto e por isso não compareceu ao debate, mas o que acontece na realidade é que Maurino está mostrando a sua inteligência da maneira mais viável possível. E para aqueles que acham que Maurino não será um bom prefeito por não ter nenhum diploma de curso superior, o que dirá esse ser do nosso presidente?


Por isso confirmo, Maurino é o melhor para Marabá!

Valenna Favacho.