É um erro antecipar agenda em áreas de conflito armado

Um vacilo estratégico e risco de vida eminente para a secretária de Estado americana, Hillary Clinton, que fará nos dias 3 e 4 de março sua primeira visita oficial a Cisjordânia e Israel, informaram fontes oficiais palestinas.

O blogger discorda da necessidade da antecipação de agenda nesse caso.

O Iraque de hoje é uma bomba relógio sem aviso prévio para explodir.

Ao se divulgar uma visita dessa importância --a primeira -- ação presencial do mais importante representante do novo goveno americano, dá tempo aos grupos antagonistas da ocupação do país a planejarem ataques terroristas com maior poder de fogo para chamar a atenção da comunidade internacional à sua causa. Lícitas ou não.

Nenhum comentário: