População de Marabá ganha mais cinco infocentros

Da Redação
Agência Pará

"Estou ansioso para começar as aulas no infocentro, porque hoje em dia a informática é essencial para a inserção no mercado de trabalho. Que bom que o NavegaPará chegou até nossa comunidade". A declaração do estudante Francielton Silva, 16 anos, traduz a importância social dos infocentros, que garantem o acesso gratuito à internet, graças à implementação do programa de inclusão digital NavegaPará, pelo governo do Estado.

Francielton é morador do bairro Novo Planalto, onde está localizado o infocentro do Centro Santo Antônio (ligado à Paróquia Sagrada Família), um dos cinco espaços públicos de acesso à internet inaugurados na tarde desta sexta-feira (7), no município de Marabá, sudeste paraense, pela governadora Ana Júlia Carepa.

No infocentro, a governadora conversou, em uma videoconferência, com membros do conselho gestor dos outros três espaços, localizados na Associação dos Moradores da Nova Marabá (AMNM), na Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de Marabá (Seasp) e no Banco do Povo. Na ocasião, ela saudou a comunidade do Galpão de Artes de Marabá (GAM), onde esteve em seguida para inaugurar mais um infocentro.

Valorização - "Hoje estamos inaugurando cinco infocentros de uma só vez em Marabá, que já é uma Cidade Digital, na qual podemos acessar a internet gratuitamente na orla e nas praças. Isto me deixa profundamente feliz e orgulhosa, pois é educação, é investimento, é valorização aos cidadãos. Afinal, as políticas públicas do nosso governo são do povo e para o povo, em que garantimos acesso com qualidade e velocidade também à comunidade que mais precisa, além de possibilitarmos a capacitação em informática, preparando-os para enfrentar melhor o mercado de trabalho", frisou Ana Júlia Carepa.

Em sua vigésima agenda de trabalho em Marabá, a governadora disse que entregava "algo novo, que irá beneficiar o povo daqui. Agradeço a todos vocês pelo apoio". Durante a inauguração, Ana Júlia Carepa pediu que "zelem por estas salas de acesso, cuidem delas e aproveitem esta grande oportunidade".

Uma oportunidade que já está presente na vida do escritor João Brasil Monteiro, que aos 83 anos se tornou um dos usuários do infocentro do GAM. Ele utiliza o computador e a internet para aprimorar suas pesquisas e ampliar o leque de conhecimentos. "Como autor de vários livros, acho importantíssimo o acesso ao mundo digitalizado, e deixo o meu muito obrigado à governadora por esta iniciativa", disse ele, que escreveu uma carta de agradecimento ao governo.

Das cerimônias de inauguração participaram ainda o prefeito de Marabá, Maurino Magalhães; o deputado estadual Cássio Andrade; o deputado federal Zé Geraldo; o secretário de Estado de Integração Regional, André Farias; o presidente da Empresa de Processamento de Dados do Pará, Renato Francês; o secretário de Estado de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia, Maurílio Monteiro, e o adjunto da Sedect, João Weyl.

Ascom/Prodepa

Nenhum comentário: