Está acabando o prazo para cadastramento no CAR

Grande parte dos pecuaristas paraenses ainda não assinaram os termos de ajustamento de condutas com o Ministério Público Federal (MPF) para corrigir problemas ambientais, sociais e trabalhistas da atividade pecuária, mas já se preparam para o prazo final de adesão, em janeiro de 2010.

A partir dessa data, 12 grandes frigoríficos que assinaram o compromisso com o MPF só comprarão gado de fazendas inseridas no Cadastro Ambiental Rural. O acordo já está sendo negociado com outros médios e pequenos frigoríficos. Ou seja: quem não participar do esforço de regularização ficará efetivamente excluído do mercado.

Por aqui, os pecuaristas acham que não vai acontecer nada com eles, pois os grandes/médios/pequenos frigoríficos não atuam nesta área/região e vão deixando pra cima da hora a obrigação de fazer o Cadastro Ambiental Rural.

Depois...o leite derrama e não dá pra aproveitar sem pagar uma polpuda multa.

Fonte: Agonia ou Êxtase.

Um comentário:

Anônimo disse...

NÃO BASTA A BUROCRACIA DOCUMENTAL, PAPÉIS PARA LÁ E PARA CÁ. O NOSSO PAÍS É O CAMPEÃO MUNDIAL EM BUROCRACIA, ALIÁS O FALECIDO MINISTRO HÉLIO BELTRÃO, BEM QUE PODERIA TER RESSUSCITADO O SEU PROGRAMA[MINISTÉRIO DA DESBUROCRATIZAÇÃO ].O NECESSÁRIO É IMPLEMENTAR O PROJETO, DAR VIDA. DECISÕES DE GABINETE, AO AR-REFRIGERADO, NUNCA ALCANÇARAM NA PRÁTICA OS SEUS OBJETIVOS. UM FISCAL DO IBAMA TEM A RESPONSABILIDADE DE FISCALIZAR UMA ÁREA IMENSA, LOGO DE SAÍDA SABE-SE QUE NÃO VAI FISCALIZAR NADA. FALTAM RECURSOS.....E O RESTO É HISTÓRIA PARA BOI DORMIR.