Vigília dos aposentados

Um grupo de 50 aposentados e pensionistas passou a noite de ontem no corredor de acesso ao plenário da Câmara. O protesto tinha a intenção de pressionar os deputados para que a votação do projeto de lei que estende às aposentadorias e pensões o mesmo reajuste do salário mínimo seja realizada antes dos projetos do pré-sal. Segundo os aposentados, houve seresta durante a noite, carteado e até lanche distribuído pela Confederação Brasileira de Aposentados e Pensionistas. O projeto é do senador Paulo Paim, que participa da movimentação. “Aposentado é mais importante que o pré-sal. Ano que vem, é ano de eleição. Cada um de nós tem o poder de falar com nossos familiares e derrubar muita gente aqui. Eles sabem disso”, afirmou Raimundo Carolo Filho, que integra a associação dos aposentados de Timóteo (MG). Aos 62 anos, ele aposentou-se há 17 anos ganhando 9,3 salários mínimos e hoje diz que recebe o equivalente a 2 salários mínimos.

3 comentários:

Anônimo disse...

Agora tudo se esclarece:
20/11/2009
Se trabalhar, Lula perde aposentadoria por invalidez
No momento em que lí na Bronca Geral de 19.11.2009, as 17:29, fiquei surpreso e esclareço o porquê. O "seo" lula brasil 51, está aposentado como deficiente físico, portanto, se ele trabalhar perderá a aposentadoria por invalidez e ainda devolve ao INSS o que recebeu até hoje. Por essa razão, não acredito que o "seo" lula brasil 51 venha, algum dia, trabalhar.

Antonio Simões dos Reis Sobrinho
Indaiatuba - SP

Anônimo disse...

São Paulo, 20 de Novembro de 2009

Prezados Senhores, em recente email enviado aos Senhores Deputados, temos evidenciado que, todos os que foram perseguidos, roubados em seus direitos espirituais, psicológicos e materiais, acabaram subindo ao poder. Aproveitando o dia da consciência negra, devemos adotar no dia de hoje também a consciência da liberdade de “querer viver” do aposentado, do pensionista e de todos que serão espoliados dos seus bens e seus direitos, nossos(as) filhos(as) bem como os nossos(as) netos(as), ao todo 32.4 milhões de eleitores.
No Estado de São Paulo de 20/11, na primeira pagina, há um título dizendo, “ o Governo quer acabar as com as pretensões dos aposentados e pensionistas, com MPs”, anulando desta forma as nossas reivindicações legais de reajustes sem cortes e do fim do fator previdenciário. O dinheiro que lá esteve e que continua sendo desviado é dos velhinhos.
Estamos conclamando 8.4 milhões de aposentados e pensionistas, que não se desesperem. Vamos ficar calmos e unidos. Aceitamos o desafio, pois uma MP de hoje será anulada com outra MP amanhã. As eleições ocorrem de quatro em quatro anos, em alguma delas vamos mudar esta situação. Vamos eleger o Presidente, os Senadores, os Governadores, os Deputados Federais e Estaduais, os Prefeitos, os Vereadores, que apóiem a nossa causa, diga-se de passagem, justa e legal.
Dizem que estamos lutando por 8% e não 6% ??? Sem comentários, mão e a boca suja, não, tomar o que não lhes pertence, não,vide denuncias da mídia dos últimos 50 anos. Esmolas não queremos de nenhum tipo. Exigimos o que é nosso, pagamos o INSS por 35 anos ou mais.
Muito bem até agora entre as sugestões do “Movimento Branco”, esta, vamos “votar em branco” . A sugestão acima, é um voto de confiança que ainda temos neste Governo para que adote MPs em nosso favor, e urgente. Entretanto, pelo andar da carruagem vamos ter que aceitar o desafio, então ao invés de “ Voto em Branco”, este será, “Voto Nulo”.
Acredito por bem, divulgarmos esclarecimentos do TRE, relativo a regras eleitorais, “nenhum candidato pode tomar posse quando os votos nulos e em branco alcançam um coeficiente maior do que a soma dos votos dados aos candidatos”. “Nos Municípios, Estados, e no País, os candidatos rejeitados pela população ficarão inelegíveis. Será estabelecido um novo prazo para inscrições, propaganda eleitoras e os eleitores terão que voltar às urnas, conforme nota do TRE”. Estas informações podem ser confirmadas no Blog da jornalista Jô Siqueira. Vamos reduzir os custos administrativos deste País.
Vamos continuar divulgando os nossos direitos e exigências, conforme O MANIFESTO DOS APOSENTADOS E PENSIONISTAS
Viva o movimento Branco, Viva os Aposentados, Pensionistas e seus familiares, vamos fazer visíveis os nossos direitos com fitas e bandeiras brancas nos portões de nossas casas, nas antenas dos nossos carros.

Atenciosamente

Valerio Amichetti
vamichetti@uol.com.br


PS1- E agora vão distribuir 11 milhões de celulares, com as verbas do Ministério das Comunicações? Provavelmente, não. Você pode adivinhar quem vai pagar a conta?

PS2-Os aposentados e exportadores e trabalhadores rurais, pagaram desde 1960 o Funrural. E agora recolhem também o INSS. Isto é bi-tributação e para para onde vai toda essa dinheirama?

PS3-Vamos lançar a candidatura do Senador Paulo Paim a Presidente.Vamos lançar o Deputado Arnaldo Faria de Sá a Vice Presidente. Temos muitos políticos que nos dão apoio. Vamos procurar os Senadores, Deputados e as bases que estão conosco. Vamos mudar esta situação insustentável e persecutória.

Fernando Duarte Correa disse...

A Maioria do povo brasileiro já quer a volta dos militares. Mas não fala nada, por enquanto.

Acontece que após os contatos do Lula com Ditadores, e que demonstra suas idéias de também escravisar o povo brasiliero, já estão começando falar, em todos os lugares, da necessidade da reestruturação do país numa direção sem o risco de perdermos a nossa democracia que já está ameçada.

Protestemos, portanto, contra as idéias dos ditadores e contra as suas visitas com segundas intenções e não de comércio, como é o caso de hoje, da visita idesejada do ditador do Irã.

PEÇAMOS URGENTE, COM DOCUMENTOS FORMAIS E INFORMAIS, DIRIGIDOS AOS MILITARES PEDINDO QUE RETIREM DO GOVERNO (urgente) A DILMA ASSALTANTE DE BANCOS, O ZÉ DIRCEU GUERILHEIRO QUE FEZ VÁRIAS PLÁSTICAS NO ROSTO PARA SE ESCONDER DOS SEUS CRIMES (ministro escondido e virtual) GENUINO COVARDE E GUERRILHEIRO, E DEMAIS TRAIDORES DA NOSSA PÁTRIA, E RETIREM TAMBÉM O LULA QUE TROCA AFAGOS E BEIJINHOS COM RAUL CASTRO E FIDEL DITADORES DE CUBA.

s o c o r r o f o r ç a s a r m a d a s b r a s i l e i r a s