Estado do Carajás entra na pauta do Plenário amanhã

Após intensa articulação junto aos seus colegas. O deputado reeleito Giovanni Queiroz (PDT-PA), conseguiu a garantia do presidente da Câmara dos Deputados, Michel Temer (PMDB-SP), da inclusão do projeto que cria o Estado do Carajás.

Acompanhem a votação do mérito da matéria, que precisa de maioria simples para ser aprovada, em transmissão ao vivo da TV Câmara.

A sessão extraordinária está marcada para as 9h00 da manhã e a votação da pauta terá início às 10h00.

Veja como você pode acessar a TV Câmara:

Instruções para Sintonizar

Sintonia via UHF

Município Canal
Brasília (DF) 27

Sintonia Sinal Digital Aberto(experimental)

Município Canal
São Paulo (SP) 61
Frequência 752-758 MHz

Sintonia via Parabólica Sinal Digital

  • Canal: 01AE
  • Polarização de recepção: Horizontal
  • Receptor: compatível com padrão digital MPEG-II DVB
  • Satélite – Star One - C2
  • Frequência Banda C TX: 5.852 MHz
  • Frequência Banda C RX: 3.627 MHz
  • Frequência Banda L: 1.523 MHz
  • Antena Rx: 3,6 mts
  • FEC: ¾
  • PID VIDEO: 1110 (HEXA)
  • PID AUDIO: 1211 (HEXA)
  • PCR: 1110
  • BItrATE: 3000
  • Network ID: 1

Sintonia via Parabólica Sinal Analógico

  • Canal: 10A2
  • Polarização de recepção: horizontal
  • Satélite – Star One - C2
  • Frequência Banda C: 4090 MHz
  • Frequência Banda L : 1060 MHz
  • Filtro: 17 MHz

Atenção

O sinal digital da TV Câmara é transmitido de um up-link compatível com as normas mpeg-2 DVB.

A TV Câmara também é transmitida através de up-link com sinal analógico.

Em caso de dúvida, favor contactar: TV Câmara – (0xx61) 3216-1626

Sintonia via Dth

Operadora Canal
Tecsat 16
Skynet 113
DirecTV 235

12 comentários:

Anônimo disse...

Parabens aos deputados

pois esta região está esquecida
vamos a luta companheiros

sou morador de Parauapebas a 26 anos e sei o que vai significar o novo estado para todos aqui.

Val-André Mutran  disse...

A matéria foi retirada de pauta, por acordo de lideranças.
Está prevista sua votação para a próxima terça-feira, 23.

Anônimo disse...

O problema é que não tem um só paraense de acordo... pois se voce for passear no sul do estado vc encontra Brasileiros de todo canto do país.. que acabaram com seus estados (desmataram) e agora querem acabar com o que resta do nosso, mas para isso querem criar novo Governo, com mais cargos publicos para mamar na teta da união. Voltem pra terra de vcs e cuidem do que sobrou dela.

Val-André Mutran  disse...

Parabéns anônimo das 12:51.
Quantas árvores você já plantou na vida?

Alexandre B Barreto disse...

É triste ver mais um estado ser criado onde não existe nada. Já não basta Roraima que o sonho do povo de lá é ter um emprego público, pois outro não há?
Ao invés disso, o povo deveria brigar para o estado do PA resolver seus problemas e distribuir renda. No Amazonas não é diferente o pensamento, existe um monte de gente que quer criar um estado sem um mínimo de condições de subsistência. Graças a Deus essa festança de criação de municípios sem condições de subsistência já acabou, estamos na fase dos Estados.
E viva mais dois senadores e algumas dezenas de deputados inúteis de um estado falido no seu nascimento.

Val-André Mutran  disse...

Alexandre. Só um detalhe.
Carajás não é Roraima.
Não tem qualquer semelhança.

Anônimo disse...

É mais um esperto tentando dividir o Pará. Ao que me parece esse forasteiro quer é criar mais despesas para a União.

Anônimo disse...

Aos que querem criar mais um Estado não visando a melhoria da população, mas viver as custas do governo, com a criação de diversos cargos públicos. Uma pena que os políticos visam seu bolso, e não o bem-estar da população.

Val-André Mutran  disse...

Aos anônimos das 3:49 PM e da 1:42 PM.
Aposto com vocês dois que o deputado Giovanni, apesar de ser mineiro, fez o que vocês nunca farão em suas vidas anônimas pelo Estado do Pará e seu povo.
Vamos apostar?

anderson disse...

Não concordo com a criação de mais um Estado. é mais gente pra roubar NOsso bolso.

Anônimo disse...

Esse senhor Giovanni Queiroz, salvo engano, está no seu quinto mandato de deputado federal, ai eu pergunto o que ele fez em prol da região sul do estado? Pelo que me consta ele esta a 20 anos lutando pela divisão. Isso me parece muito estanho, tanto quanto o interesse dele nessa divisão em vez de dividir porque não unir?
Essa questão me parece mais com a lei de Salomão, o verdadeiro paraense não vai deixar os oportunistas se aproveitarem das nossas riquezas.

Val-André Mutran  disse...

Anônimo das 8:33 PM.
Seu comentário é típico dos alienados.
O quê Giovanni fez pelo sul do Pará?
Você só pode estar brincando quando faz tal pergunta.
Fica evidente que você nunca tirou seus pés de onde se encontra e que o Pará, para vossa senhoria, não passa de uma Casa Grande (Belém e redondezas) e nós a Senzala.
Por favor. Não volte mais aqui.
O blog prescinde de participações desse jaez.