Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2006

Especulações até nas hostes petistas

Virgílio Guimarães: "Os brasileiros decidiram que o PMDB tem de comandar tanto a Câmara quanto o Senado"

VG: "Há muitos peemedebistas com experiência suficientes para presidir a Câmara"

por Luís Costa Pinto

O deputado mineiro Virgílio Guimarães é uma das raras lideranças do PT remanescentes dos tempos pré-mensalão que conservaram incólume a autoridade, os votos e o trânsito nas demais legendas do Congresso depois da eleição de 1º de outubro. Reconduzido ao Parlamento nas asas de 140 mil votos, mantém-se como uma liderança independente dentro da legenda e segue como um raro amigo de convívio pessoal com o presidente da República. Durante a Constitutinte Virgílio e Lula dividiram um apartamento funcional em Brasília.
Em janeiro de 2005, depois de se recusar a ser enquadrado em uma decisão partidária, Virgílio Guimarães manteve sua candidatura à Presidência da Câmara a despeito de uma decisão da bancada do partido e foi responsabilizado pela derrota petista no pleito que …

Processada por mais de cem deputados. Maria Lino cai no choro

Luiz Alves
(E/D) Testemunha de acusação na máfia das ambulâncias, Maria da Penha Lino (ex-funcionária do Ministério da Saúde) e Ricardo Izar (PTB-SP, pres. Conselho de Ética).
Ex-servidora da Saúde chora e nega ter acusado deputados
AG. Câmara

A ex-funcionária do Ministério da Saúde Maria da Penha Lino negou há pouco, em depoimento ao Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, ter acusado 171 parlamentares de participar do esquema de compra superfaturada de ambulâncias. Chorando, ela disse não saber por que está sendo investigada e responsabilizou o delegado da Polícia Federal Tardelli Boaventura pela afirmação. Segundo a ex-funcionária, o número se referia à quantidade de emendas aprovadas para a área.
Maria da Penha também foi funcionária da empresa Planam, acusada de coordenar o esquema. Ela negou ter pago ou mesmo testemunhado o pagamento de propina a deputados. No entanto, disse que ouviu os motoristas da Planam falarem sobre malas de dinheiro encaminhadas para a Câmara.

Negociação - Segu…

PFL reorganiza-se após derrota

Num jantar, ontem, em Brasília, o senador Jorge Bornhausen iniciou consultas no partido, reunindo-se à noite com um grupo de deputados e senadores para estabelecer os termos da manifestação pefelista.

A legenda foi a que mais perdeu espaço nestas eleições elegendo apenas um governador, o do Distrito Federal.

Foi discutido a elaboração de uma nota a ser distribuída à militância do partido. “A nota será ao mesmo tempo uma análise da situação pós-eleitoral – anunciou Bornhausen [presidente nacional do PFL] – e uma reafirmação dos princípios partidários, além, naturalmente, de uma demonstração de confiança no regime democrático. A sociedade verá que a luta não foi em vão e a derrota não nos desanimou, pelo contrário, será estimulante”.

Especula-se que o PFL lutará com todas as forças para conseguir a presidência do Senado em contra ponto aos planos do PMDB que pretende além do Senado, que já o preside, a presiência da Câmara dos Deputados.

Governadores eleitos preparam reivindicações ao Planalto

Cabral defende apoio do PMDB a Lula

MÁRIO MAGALHÃES
Folha de S. Paulo

O peemedebista, que foi eleito com 68% dos votos válidos, declara que o partido deve se manter aliado ao presidente
Governador eleito irá se reunir na tarde de hoje com o petista para falar sobre os Jogos Pan-Americanos, que ocorrerão em julho próximo
O mais importante governador dos sete eleitos pelo PMDB, a considerar o número de eleitores do Estado do Rio e Janeiro, Sérgio Cabral Filho defendeu ontem o apoio do partido ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).
Cabral venceu o pleito com 68% dos votos válidos (5.129.064), mais que o dobro dos 32% obtidos por Denise Frossard, do PPS (2.413.546). Lula, a quem Cabral se associou no segundo turno, alcançou 70% no Estado.
Hoje à tarde o futuro governador deve se encontrar com o presidente no Planalto. Falará dos Jogos Pan-Americanos, que ocorrerão no Rio em julho. A União é um dos principais financiadores do evento.
Cabral afirmou à Folha que cumprirá o compromisso assinad…

Seminário "Internet Para Todos"

Clique dua vezes na figura para melhor visualização.
COMISSÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA
Seminário: "Internet para Todos - uma estratégia focada nos municípios"
LOCAL:
Auditório Nereu Ramos - Anexo II da Câmara dos DeputadosDATA/HORÁRIO: 07.11.06 - 9h

APRESENTAÇÃO
A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática promoverá, no próximo dia 7 de novembro, o seminário "Internet para Todos - uma estratégia focada nos municípios".

O efetivo acesso à internet por toda a população trará grandes benefícios à economia, à educação, à saúde e a toda a vida cultural e social do país.

Existe uma forte tendência, no Brasil e no mundo, para que a internet, ao menos em velocidade básica, seja fornecida a toda a população, gratuitamente. "Como não há almoço grátis", isso pressupõe a adoção de modelo de sustentabilidade diferente do adotado pelas telecomunicações até agora, baseado no pagamento pela conexão, pelo tráfego, ou por ambos. As exper…

Não posso concordar com safadeza

Numa empresa privada, se um funcionário não corresponde às expectativas de produtividade, pontualidade, disciplina, criatividdade e outras dezenas de exigências mercadológicas, esse funcionário é comunicado de seu desligamento.
No governo deveria ser assim.
Quando um governo, como este que aí está, pratica o que praticou, ele deve ser demitido.
A oportunidade tivemos no último domingo, 29.
Mas, o povo, do alto de sua ignorância e desinformação, pactuou reelegendo Lula da Silva até 2010 para governar o país.
Tudo bem. Estamos numa democracia.
Agora, pensar que este blog vai se curvar e aceitar calado as bandalheiras que estão em curso e sendo investigadas, lêdo engano de quem por ventura o lê.
Doa a quem doer.
Mais uma vez voltarei a ladainha de que este espaço tem Nome e CPF. Seu titular recolhe impostos e trabalha 12 horas por dia para dar conta de sua vida.
Aos interessados em discordar das idéias aqui colocadas, desde que não haja ofensas pessoais - que convenhamos - é uma tremenda falta de…

Por que Lula ganhou!

AS RAZÕES
Por que Lula ganhou

O Povo

Um candidato que transita entre os escândalos e o recorde de votos. Numa tentativa de fugir da incompreensão do fenômeno Lula e do misto de preconceito e adesão que marca boa parte dos analistas e observadores políticos

Érico Firmo
da Redação

Para explicar o porquê de ter votado em Lula, o pedreiro Raimundo Alves Tereza, de 57 anos, remete ao ano de 1973. Naquela época, ele só conseguiu comprar uma televisão após uma viagem ao Rio de Janeiro, onde os preços de aparelhos eletrônicos eram mais baixos. Esta semana, 23 anos depois, ele se prepara para comprar um outro aparelho de TV. O preço de R$ 600,00 será dividido em três parcelas - uma entrada de R$ 500,00 e duas prestações de R$ 50,00. Raimundo já tem uma TV em casa. "Mas eu quero é da grandona, da melhor que tem do mercado". E arremata: "Qual pobre que comprava televisão nova? Hoje televisão tá que nem tijolo", brinca.

As razões que fazem de Lula o vitorioso nesta eleição não são …

Primeiro discurso de Lula

Leia íntegra do primeiro discurso de Lula

O presidente reeleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) iniciou o discurso da vitória prometendo fazer um segundo mandato "muito melhor" do que o primeiro. Ele entrou com sua mulher, Marisa Letícia, vestindo uma camiseta com a frase "a vitória é do Brasil".

Confira abaixo a íntegra do primeiro discurso de Luiz Inácio Lula da Silva como presidente reeleito:

Meus amigos e minhas amigas aqui representados pelos companheiros dirigentes dos partidos que apoiaram a nossa campanha, nossos queridos companheiros representantes dos trabalhadores aqui representados pelos dirigentes sindicais, meus companheiros ministros, meus companheiros e companheiras coordenadores da nossa campanha. Eu não estou vendo aqui o governador Marcelo Miranda, do Tocantins. Ah, está aqui do meu lado aqui nosso querido governador Marcelo Miranda, do Estado do Tocantins; nosso querido companheiro Jacques Wagner, governador eleito da Bahia.

Queria dizer para vocês q…

Lula diz que segundo governo será melhor

LULA PROMETE REFORMA POLÍTICA E CRESCIMENTOO Estado de S. Paulo 30/10/2006Petista recebeu mais de 58 milhões de votos e superou número obtido há 4 anos; Alckmin admitiu derrota às 20h e disse sair da campanha apaixonado pelo brasileiro O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, de 61 anos, foi reeleito para um novo mandato de quatro anos. Em sintonia com as últimas pesquisas de intenção de voto, o petista obteve mais de 58 milhões de votos (superando 60% dos válidos).O número bate a votação de 2002, quando Lula foi escolhido por quase 53 milhões de eleitores, e representa a maior votação de um presidente no Ocidente - o recordista anterior era Ronald Reagan, com 54,5 milhões de votos em 1984.Em suas primeiras declarações como presidente reeleito, Lula disse que pretende tocar a reforma política - agendada para o primeiro semestre de 2007, segundo o ministro Tarso Genro. O presidente também se propõe a mudar seu relacionamento com o Congresso. “Vou estabelecer uma relação mais profícua (c…

Maranhenses dizem não à Sarney

Acaba a era SarneyCorreio Braziliense30/10/2006Maranhão - Em eleição apertada, candidato do PDT derrota Roseana, encerrando quatro décadas de oligarquia no estadoDepois de 40 anos no comando do Maranhão, a família Sarney foi derrotada nas urnas pelo pedetista Jackson Lago, que conquistou 51,9% dos votos válidos dos quase 4 milhões de eleitores. A oligarquia Sarney é a segunda a perder poder nestas eleições: no primeiro turno, o petista Jacques Wagner ganhou o governo da Bahia, apeando o clã de Antonio Carlos Magalhães do controle do estado.Nem o apoio do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ajudou à candidata do PFL, Roseana Sarney. “A minha vitória representa a queda do último bastião do coronelismo no Brasil, representado pela família Sarney”, disse Lago. “Os segmentos sociais que lutaram contra as oligarquias e o coronelismo no Maranhão e na Bahia são os mesmos: sindicatos, intelectuais, trabalhadores e estudantes. O quadro é o mesmo na Bahia e no Maranhão”, completou.Com a de…

Ana Júlia Carepa governadora do Pará

Governador - Pará
Atualizado às00h30 de 30/10/2006
Apurados1 4.157.570 100,00% dos eleitores
Abstenção2 1.003.609 24,14% dos apurados
Votos válidos3 3.047.037 73,29% dos apurados
Votos totais4 3.153.961 75,86% dos apurados
Candidato...............nº partido % votos totais % votos válidos
ANA JULIA...........13 PT..............53,06%..............54,93%
ALMIR GABRIEL...45 PSDB.........43,55%...............45,07%
Brancos 0,86%
Nulos 2,53%

Presidente - Pará
Atualizado às01h40 de 30/10/2006
Apurados1 4.157.570 100,00% dos eleitores
Abstenção2 1.003.609 24,14% dos apurados
Votos válidos3 3.060.634 73,62% dos apurados
Votos totais4 3.153.961 75,86% dos apurados
Brasil PA
Candidato nº % votos totais % votos válidos % votos válidos
LULA............13.............58,34%.........1,92%............60,12%
GERALDO ALCKMIN.45.............38,70%.........1,27%............39,88%
Brancos 0,71%
Nulos 2,25%

1 - Apurados - Número de votos apurados até o momento, incluindo abstenções, votos válidos, brancos, nulos e pendentes. O …

Ana Júlia perto de se eleger governadora do Pará

Roseana SARNEY quase derrotada

Veja as parciais com os governadores matematicamente eleitos

Em vermelho os governadores eleitos no 2.o turno

Governador - Resumo nacionalRio de Janeiro Atualizado: 19h40 - 29/10/2006SERGIO CABRAL67,96%DENISE FROSSARD32,04%› Veja a apuração completaR. G. do Sul Atualizado: 19h46 - 29/10/2006YEDA CRUSIUS53,95%OLÍVIO DUTRA46,05%› Veja a apuração completaParaná Atualizado: 19h45 - 29/10/2006ROBERTO REQUIÃO50,09%OSMAR DIAS49,91%› Veja a apuração completa Pernambuco Atualizado: 19h32 - 29/10/2006EDUARDO CAMPOS65,28%MENDONÇA34,72%› Veja a apuração completaSanta Catarina Atualizado: 19h45 - 29/10/2006LUIZ HENRIQUE DA SILVEIRA52,71%ESPERIDIÃO AMIN47,29%› Veja a apuração completaGoiás Atualizado: 19h45 - 29/10/2006ALCIDES RODRIGUES57,18%MAGUITO42,82%› Veja a apuração completa Pará Atualizado: 19h45 - 29/10/2006ANA JULIA54,51%ALMIR GABRIEL45,49%› Veja a apuração completaMaranhão

Brasil é líder global em tecnologia eleitoral

Ag. Câmara














Tecnologia de ponta na maior eleição da América Latina. Brasil é referência mundial com sistema totalmente informatizado.

Lula é reeleito presidente do Brasil com 60,56% dos votos válidos

Blog do Noblat












Luis Inácio Lula da Silva reeleito presidente do Brasil.
Viva a roubalheira!

Ave César!

Parabéns! Delúbio Soares e Duda Mendonça

Lula é reeleito com 62% dos votos válidos, diz pesquisa

Ag. Brasil
Com 62% dos votos válidos. Luis Inácio Lula da Silva é reeleito presidente do Brasil, diz pesquisa de "boca de urna".

Lula lidera com folga

Presidente - Resumo nacional

Atualizado às19h02 de 29/10/2006 Apurados103.603.73182,28% dos eleitoresAbstenção19.214.23718,55% dos apurados
Candidatonºpartidovotos% votos totais% votos válidosLULA13PT47.783.28656,62%60,38%
GERALDO ALCKMIN45PSDB31.355.88237,16%39,62%
Brancos1.152.0721,37%Nulos4.097.1924,86%

Sérgio Cabral é o primeiro governador eleito no 2.o turno

JB On Line. Leia mais aqui.

Lula lidera no DF

Blog do Noblat

No Distrito Federal: com 95% das urnas apuradas, Lula tem 57% dos votos válidos (menos brancos e nulos).

No primeiro turno, Alckmin teve no Distrito Federal cerca de 48% dos votos válidos contra pouco menos de 40% de Lula. Quer dizer: no segundo turno, Lula virou.

PT lidera em Marabá

Às 18:37, o PT lidera com folga em Marabá. Cabeças vão rodar!

Governador - Marabá - PA
Atualizado às18h30 de 29/10/2006
Apurados 12.726 11,42% dos eleitores
Abstenção 3.336 26,21% dos apurados
Votos válidos3 9.089 71,42% dos apurados
Votos totais4 9.390 73,79% dos apurados
PA Município
Candidato % votos totais % votos válidos % votos válidos
ANA JULIA............51,50%........53,30%..........63,38%
ALMIR GABRIEL....45,13%........46,70%..........36,62%
Brancos 0,82%
Nulos 2,39%

Vejam como é o jeito petista de ser honesto

Mais uma safadeza é revelada na reportagem-bomba publicada em O Liberal de hoje, que junta-se ao rol de banditismo praticado com o dinheiro público pelos controladores do Incra no Pará, ligados a quem? Ao Partido dos Trabalhadores, claro! Essa legenda que é caso e dor de cabeça para a Polícia.
Em países sérios essa escumalha já estaria na cadeia a muito tempo.
Incra gastou 800 mil para comprar voto em MaracanãApreensãoDono de loja presta depoimento e entrega cópias de seis notas fiscais de mercadoriasChegou a R$ 746.248,00 o custo da feira eleitoral montada pelo Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) para compra de votos no município de Maracanã. Esse, o total de gastos num único lote de compras, numa única loja e num único município. A informação veio à tona em depoimento prestado na sexta-feira pelo proprietário da 'Decon - Materiais de Construção Ltda', estabelecida no Conjunto Cidade Nova 2, Estrada da Providência, nº 15, no município de Ananindeua, pera…

Um dia de "cão" no JK

Mais de 4 mil passageiros sofrem com atraso de vôos em Brasília

Pedro Henrique Freire
Do CorreioWeb
Brasília
- Mais de quatro mil pessoas foram prejudicadas –apenas no aeroporto de Brasília - com atrasos em 38 vôos durante todo o sábado. Alguns ainda continuam esperando para embarcar. Até 12h30, 30 aviões decolaram com atraso. À tarde, mais oito.

Durante todo o dia, pessoas sofreram com a falta de informação no Aeroporto. Alguns passageiros demonstram indignação com o argumento de que o problema nos vôos foi causado pelo pesado tráfego aéreo na região Centro Oeste do País. Ou seja, segundo a Aeronáutica, existem muitos aviões no ar, o que estaria causando a demora nas decolagens.

Mas informações de bastidores indicam outro problema: os atrasos foram causados porque os controladores de vôos decidiram cumprir à risca a legislação internacional que rege o trabalho da categoria. Ela exige que os profissionais comandem do solo, no máximo, 14 aeronaves. Mas, no Brasil, esse número chega a 20 av…

Lula e Alckmin: visões diferentes do Estado

Propostas sociais revelam diferentes visões dos candidatos sobre papel do Estado, dizem especialistas

Juliana Cézar Nunes e Marcela Rebelo
Repórteres

Agência Brasil


Brasília - Na proximidade de eleições presidenciais passadas, os brasileiros indecisos sobre seu voto costumavam se perguntar sobre a política econômica proposta pelos candidatos. Este ano, porém, a discussão sobre políticas sociais tem sido uma das vedetes das campanhas.

Uma das questões mais debatidas pelos candidatos à Presidência da República neste segundo turno foram as políticas sociais. Ao apresentar propostas para o setor, Luiz Inácio Lula da Silva (PT/PRB/PCdoB) e Geraldo Alckmin (PSDB/PFL) teriam deixado claras diferentes visões do Estado.

A avaliação é da diretora do Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas (Ibase) Dulce Pandolfi. “Alckmin busca diminuir as interferência do Estado e Lula apresenta propostas no sentido contrário”, afirma a historiadora, que é professora da Fundação…

Jornalista desaparece ao investigar "Máfia do Cacau"

Jornalista francês desapareceu por investigar setor do cacauParis, 28 out (EFE).- O jornalista francês Guy-André Kieffer - desaparecido desde 16 de abril de 2004 em Abidjan, a capital econômica da Costa do Marfim - foi seqüestrado por investigar ilegalidades no setor do cacau cometidas por pessoas vinculadas à Presidência, segundo denunciou o Repórteres Sem Fronteira (RSF).

A denúncia, que já tinha sido divulgada meses atrás, foi o centro de uma campanha iniciada hoje pelo RSF, que aproveitou a abertura do Salão do Chocolate em Paris, onde a Costa do Marfim montou um estande. O país é o maior produtor mundial de cacau.

Militantes da organização, acompanhados pela esposa de Kieffer, fizeram uma manifestação no evento, distribuíram panfletos e colocaram adesivos no estande marfinense.

Nos panfletos, o RSF afirma que "dois anos e meio de investigação após o covarde seqüestro organizado por pessoas próximas à Presidência permitiram esboçar um cenário terrível: Guy-André Kieffer sabia de…

G1 cria blog para o debate na Globo. Leia

O G1 agradece a presença dos convidados, que analisaram o desempenho dos candidatos à presidência da República no último debate deste segundo turno. Estiveram presente os senadores Eduardo Suplicy (PT-SP) e Álvaro Dias (PSDB-PR), os deputados José Eduardo Cardozo (PT-SP) e Mendes Thame (PSDB-SP), as psicólogas Leila Salomão Tardivo (USP) e Júnia Ferreira (Unifesp) e o estilista Lorenzo Merlino. 28/10/06 01:20Considerações Finais
Júnia Ferreira (psicóloga da Unifesp) e Leila Salomão Tardivo (psicóloga da USP)

As duas psicólogas afirmaram que o formato do debate desta sexta-feira deixou os candidatos mais livres para se expressarem. "Nos outros debates eles estavam muito mais amarrados e estava mais difícil analisar o comportamento deles. Agora ficou mais fácil fazer essa análise", afirmou Leila.

Segundo as convidadas, os políticos foram mais espontâneos e não pareciam ter ensaiado tanto quanto das outras vezes em que se enfrentaram.

Júnia considerou a postura de Alckmin moderada …