Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Crise na UnB

Ex-dirigentes da UnB denunciados por peculato e formação de quadrilha

Para o Ministério Público Federal, o ex-reitor da Universidade de Brasília, o ex-diretor-executivo da editora da instituição e mais dois funcionários devem ser julgados por formação de quadrilha e peculato

A denúncia é clara e direta: o ex-reitor da Universidade de Brasília (UnB) Timothy Mulholland e o ex-diretor-executivo da Editora UnB Alexandre Lima faziam parte de “bem montada organização criminosa voltada para o desvio de recursos públicos no âmbito da universidade e das fundações de apoio”. A acusação está detalhada no documento de 45 páginas que o Ministério Público Federal (MPF) entregou à Justiça em 26 de junho. O dinheiro desviado, segundo a investigação do MPF, teria sido usado para satisfazer interesses dos envolvidos em festas, viagens, jantares e na compra de móveis e eletroeletrônicos.

Após analisarem documentos e ouvirem funcionários de fundações da UnB durante três meses, os procuradores da República no DF Raquel Branquinho e Rômulo Moreira concluíram que houve irregul…

Crise na UnB – À espera do pro tempore

Os universitários ganharam a queda de braço contra a autal administração da UnB. Timothy Mulholland pediu demissão ontem do cargo que havia sido empossado em novembro de 2005 e teria ainda mais um ano e sete meses de gestão.

Com a renúncia do reitor, todos os cinco decanos escolhidos por Mulholland são também automaticamente afastados. Depois do processo eleitoral conduzido pelo reitor pro tempore, o novo reitor vai começar um novo mandato de quatro anos. “Não podemos deixar a instituição acéfala por mais tempo. Há muito a ser feito, como colocar em dia a folha de pagamento dos funcionários e as bolsas de estudantes e professores”, explica Fernando Haddad, ministro da Educação.

Aguarda-se um nome de consenso para exercer o cargo de reitor pro tempore e que terá como principal atribuição marcar em 90 dias, prorrogáveis por mais 90, as novas eleições para a reitoria da Universidade.

A piada corrente em Brasília é: "Pelas investigações do Ministério Público em curso, as fundações ligad…