Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Inpe

Inpe garante que o Amazonas é maior que o Nilo

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) concluiu as medições com imagens de satélites que indicam o Amazonas como o maior rio do mundo. Segundo a metodologia do trabalho coordenado por Paulo Roberto Martini, da Divisão de Sensoreamento Remoto do INPE, o Amazonas tem 6.992,06km de extensão, enquanto o africano Nilo atinge 6.852,15km.

Desde o início dos anos 90, o INPE estuda o Rio Amazonas por meio do sensoreamento remoto e geoprocessamento, tecnologias derivadas do Programa Espacial Brasileiro. O trabalho que analisou os rios Amazonas e Nilo será apresentado no 13º Simpósio Latino Americano de Sensoreamento Remoto, em setembro, em Havana, Cuba.

Nuvens salvaram estatísticas do Pará

Com 90% da área encoberta por nuvens, o estado do Pará acabou ficando fora do ranking de abril apresentado pelo Deter. Porém, em menos de duas semanas, as operações Guardiões da Amazônia e Arco de Fogo, do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e da Polícia Federal, apreenderam mais de 5 mil metros cúbicos de madeira em Altamira, centro-oeste do estado. As multas no município ultrapassam os R$ 2,3 milhões.

Ontem, um madeireiro foi detido em Altamira. Segundo a PF, mais de 400 metros cúbicos de madeira ilegal foram encontrados no pátio da serraria do empresário. O homem terá de pagar uma multa de cerca de R$ 1 milhão, por crime ambiental. Depois de prestar depoimento, o acusado foi liberado. Fiscais do Ibama multaram 16 fazendas no Pará, somando R$ 82,8 milhões.