Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Direção Cinematográfica

Nada que é humano dura para sempre

A pertubadora frase resume a mensagem de meu filme predileto.

Tony Scott é irmão do também diretor Ridley Scott (Blade Runner, lembram?), -- aposto minhas fichas como melhor filme (Gangster) para o Oscar desse ano.

Tony dirigiu The Hunger, aqui, no cartaz: Fome de Viver.
Susan Sarandon interpreta Sarah, uma mortal que se envolve em um triângulo amoroso com um casal de vampiros vividos por David Bowie e Catherine Deneuve. Os dois vivem a frenética e desesperada rotina de suas condições, sempre a procura de sangue novo para sobreviver.
O filme conta com um visual aterrorizante e uma trilha sonora que mistura Iggy Pop com Bach e Schubert.
Leitura videoclipesca do vampirismo, uma bela história de amor com fotografia primorosa e cenografia estilizada.
A cena de sexo entre Susan Sarandon e Catherine Deneuve é capaz de despertar zumbis e outros tipos de mortos-vivos. Dizem! Veja o filme e comprove.E aqui temos Bach, novamente.
Nesta cena, lá pela metade do filme, o espectador já está totalmente p…