Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Águia Esporte Clube

O vôo do Águia do Pará

clipped from www.estadao.com.br Vice-campeão paraense, o Águia acredita ser possível recolocar a região Norte no cenário nacional do futebol. O sonho, lógico, é chegar à divisão principal, mas todos no clube trabalham com os pés no chão. A folha salarial não é alta (cerca de R$ 70 mil mensais) e os atletas aceitam jogar pelo pouco que recebem - eles sabem que em outras equipes podem ficar sem ganhar e, no Águia, em boa fase, a chance de entrar para a vitrine e ser contratado por valores mais altos é maior. Na contramão do centenário Remo e do nonagenário Paysandu, o Águia se vangloria de nunca ter tido problemas judiciais. "Nunca tivemos a Justiça de Trabalho no nosso clube nesses nove anos", comemora o presidente e técnico João Galvão. "Hoje tem jogadores do Paysandu e do Remo que são loucos para atuar aqui."

Mais.

Série C - Palmas e Águia jogam partida decisiva

Mais dinheiro no bolso. É assim que os jogadores do Palmas poderão ficar hoje após a partida decisiva com o Águia de Marabá, caso vençam o time paraense e conquistem a vaga para seqüência do Brasileiro da Série C. As duas equipes se enfrentam amanhã, às 16 horas, no Nilton Santos, e quem vencer segue no campeonato. Hoje os jogadores do Palmas vão receber os salários referentes ao mês de junho - que estavam atrasados e o de julho - que ainda vai vencer no dia 31 de julho. Segundo presidente do clube, Carlos Manzini, o pagamento deveria ter sido efetuado ontem, mas devido ao montante da grana será pago neste sábado após o treinamento pela manhã.

Incentivo
Como forma de incentivar os jogadores a conquistar a vaga a diretoria vai reverter a arrecadação do jogo de amanhã e o valor liqüido será repassado aos jogadores para ser dividido entre o elenco. Mas Manzini alerta que o torcedor precisa fazer sua parte, pois na última partida o clube arrecadou apenas R$ 6 mil e a arbitragem…