Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Protesto

Leitor desabafa sobre a incúria que resultou na tragédia do prédio que desabou em Belém

O protesto do leitor Adriano Pimentel é um das centenas de indignações colocadas na internet por cidadãos de bem que não aguentam mais, conviver com a safadeza espalhada para todos os lados por aqueles que são pagos para fazer o seu trabalho e não o fazem. Leiam.
Depoimento recebido por e-mail.

Após a tragédia da tarde de ontem, na travessa 3 de maio, em Belém, reforçou mais ainda a minha dúvido sobre o por que de não permitirem a entrada de grandes conglomerados empresariais em nossa cidade, tal como, o Supermercado Extra; a Ricardo Eletro, as Casas Bahia, enfim, conglomerados estes que fariam muito bem aos consumidores locais, já tão desgastados e viciados no que é oferecido pelos que aí estão, como Líderes, Formosas, Nazarés, Yamadas, que nada acrescentam de novo para o mercado local. Éa famosa mesmice.
Escrevo novamente com a mente voltada para essas empresas de engenharia de fora do Estado, que aportam aqui, terceirizam os serviços, fornecem uma matéria prima de última qualidade (ma…

PSol e PSTU partidarizaram ocupação da UNB

"Eles que amam tanto a revolução partidarizaram a ocupação", título da reportagem de Fernanda Odilla para o Correio Braziliense revelando a insistência em dizer que o movimento contra o reitor Timothy Mulholland não é partidário. Mas muitos dos estudantes que na tarde de ontem comemoraram 72 horas de ocupação da reitoria da UnB fazem questão de estampar no peito adesivos, broches e até camisetas de partidos e de entidades de mobilização social ligadas a legendas políticas. O próprio Diretório Central de Estudantes (DCE) é comandado por 54 alunos, mais de uma dezena deles filiados ao PSol ou ao PSTU.