Ministros discordam da necessidade de criação da CPI da Petrobrás

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse ontem que não era necessário criar uma CPI para investigar a Petrobras e que bastaria ser acionado o Tribunal de Contas da União (TCU), “de modo que, se houvesse dúvida, fosse esclarecido sem causar maiores traumas”. Ele observou que as ações da Petrobras são negociadas em bolsa e citou riscos que uma CPI poderia trazer para a companhia, em tom de crítica à oposição. “Você atrapalhar essa empresa, provocar uma turbulência na bolsa, comprometer alguma possibilidade de captação que ela possa querer, isso realmente não ajuda em nada”, disse.

Já o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, voltou a afirmar que a instalação da CPI pode prejudicar os investimentos da companhia. “O presidente da República está em viagem em que procura obter investimentos para a Petrobras aplicar em obras gigantescas, como as refinarias, por exemplo”, afirmou. O ministro completou dizendo que a CPI pode criar impactos negativos na imagem da companhia, dificultando a obtenção de financiamentos.

4 comentários:

Anônimo disse...

sempre ouvi dizer:onde tem fumaça tem fogo!teria que ser investigado se há irregularidades(roubos e outras trambicagem)como é de costume existir; pois neste governo vem sendo descoberto tantos podres que mais esse nao seria novidade,mesmo sabendo que o lula vai dizer que sabia de nada,outros jogarao panos quentes por cima e ficaria tudo sem puniçao ,porque derrubaria muita gente grande la de cima.

Anônimo disse...

Acho muito ridículo, quem está governando, ou seja quem está na direção, comando desta ou daquela, entidade, opinar para que não haja CPI. O bonito mesmo é deixar a disposição p/ que tudo seja apurado e esclarecido e querer impedir, não ajuda e só cria mais dúvidas. Se de fato não tem nada mesmo de irregulafidades na Petrobrás, queremos ver!!! Pra nós, povo, pouco nos interessa saber se alguém queria ou não privatiza-la, mas, em quanto não é prevatizada, ela nos pertence, então que se apure, porque é pública. Não é?

Anônimo disse...

Sempre ouvi dizer que quem não deve não teme por isso não entendo tanto MEDO deste governo com esta CPI. Se a Petrobras está tão limpa como dizem os petistas nada melhor para provar do que uma investigação. Os investidores terão esta certeza, a oposição também e o Lula com seus senadores não terão mais com o que se preocupar.
Agora se tem tanto medo é porque não acreditam no que estão falando.

Mariangela disse...

Esta cpi tem uma caracteristica explicita, é puramente eleitoreira..
A oposição desesperada por uma plataforma, não conseguiu com a poupança, está tentando com a petrobras. Esquece que este empresa é muito mais forte, mais digna, mais importante para o Brasil do que uma intenção ridicula de fazer desacreditar uma instituição que fortalece e engrandece e é um orgulhoso para o povo brasileiro.
Ninguém mais acredita nesse conto dos tucanos e demos entreguistas, herança do neoliberalismo de fhc...
A outra intenção é também deviar o foco de atenção para abrandar a descoberta dos escandalos e das falctruasa..... mas estamos de olho... em 2010 vamos passar este congresso a limpo!!!!!!!!