Mais um no cabide de Sarney

Um integrante da equipe executiva da Fundação José Sarney, com sede em São Luís (MA), recebe como funcionário do Senado desde 1995. Raimundo Nonato Quintiliano Pereira Filho começou sua trajetória na Casa no gabinete do então senador, hoje ministro de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB-MA). Com a saída de Lobão para a Esplanada dos Ministérios, Raimundo Nonato manteve o cargo no gabinete do suplente do ministro, Lobão Filho (PMDB-MA).

O coordenador de projetos da Fundação José Sarney não dá expediente em Brasília. Com ele, chega a nove o número de pessoas ligadas à família Sarney que são ou foram do corpo de comissionados do Senado.

Segundo a assessoria de imprensa de Lobão Filho, Raimundo Nonato trabalha como assessor político do senador no estado do Maranhão. “Não tenho informação se ele é ligado ou não ao Sarney. O que posso dizer é que ele está lotado no gabinete desde 1995, quando Lobão, o pai, ainda exercia o mandato de Senador”, explicou, por telefone, a assessoria do senador maranhense.

Raimundo Nonato aparece no site da Fundação José Sarney como responsável pela coordenação de projetos da instituição e é ainda presidente da Associação dos Amigos do Bom Menino. A associação é ligada à Fundação José Sarney funciona hoje no antigo Convento das Mercês, reformado na década de 1980 pelo então governador do estado, Epitácio Cafeteira.

Fonte: Correio Braziliense.

2 comentários:

Sylvia disse...

Infelizmente a cada nova explosão sinto mais nojo por certos congressistas e seus atos espetaculares !As raizes desses congressistas estão fincadas no inferno!Alem do Maranhão ter os piores indices de tudo, todos os outros estados contribuem e muito bem com verbas do erário publico mal utilizadas, ao ponto que eu considero roubo!Não é esse Cafeteira que agora esta no senado tb?Ou é o tio,ousobrinho,ou mordomo, ou motorista,ou neto, ou avo, ou pai,ou sei lá o que mais!

Anônimo disse...

Cabide do Sarney?....é deve ser.